terça-feira, 24 de agosto de 2010

...

PT1
Nao é exatamente um poema que eu escrevo hoje... Desculpa, galera!
Meu apelido é Kah mermo, então que fique só por isso... Hoje eu to meio 'away' de mim mesma, então vai ficar sem nexo - fazer o que - pra maioria... aahuauhauhuha.

eu queria não ter te conhecido, não ter sentimentos que ainda nutro hoje... o destino eh foda, nee?
pra variar eu to aqui,mais uma vez pensando em você e chegando à estupida conclusão de que se eu pudesse dormiria pra sempre! Mas de que adiantaria? u_u
É inutil, vc me faz querer fugir....

De qualquer modo... Íamos fazer 3 anos, né? (=


Aah.. Cansei... eu acho que.... eu devo aprender o significado de 'desista' quando o assunto é ela...

Himme, escreve um poema bonitinho aí vai.




PT2
Então estamos aqui, sentadas frente à frente.
O que costumávamos ser, morreu?
Sinto que meus olhos te evitam, suas mãos mexem no copo, nervosa.
Não vai ter sorrisos agora, né? Isso é real...

"eu não sei..." - tudo começou com essa frase.
Meus olhos se enchem de lágrimas, enquanto esperava o final da frase...
"Não sabe...?"
"Se...."

Nessa frase interminável, nesse pensamento teu inacabado, sinto seu sofrimento, sua negação em terminar a frase...
A frase que salvará a minha vida - ou a que pode arruinar a sua.
"Vamos, me fale... Por favor"

"Se eu vou viver sem você"
De forma tão sincera, tão dolorosamente real, sem receios.... Consumamos nosso amor...
Eu te amo, amor.... *-*

Oi! Eu sou a Himme... Vou postar aqui também... Por ora é só... Cuidem-se ;*

Obs: Simplesmente amo, sei que as vezes não parece, esse meu jeito meio rude ainda te assusta, essas palavras que ainda insisto dizer em silencio confundindo você... Perdoe-me...


Pois então pessoal, a interpretação deixarei a critério único e exclusivo de vocês, esse post está fora do padrão que eu pretendia seguir. Quem gostou bate palma, que não gostou vai tomar no cu, porque eu não te obriguei a ler até aqui.


Blume Von Gift/ Baah Venon

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Isso me envergonha!

Hoje estou aqui, para falar de umas das minha indignações no mundo gay.
Não é novidade para ninguém, sou lésbica. E não há problema nenhum nisso.
O que me entristece e me "emputece" é fato de algumas pessoas usarem estereótipos do tipo: "Todo gay é drogado", "Todo gay é escandaloso", "Toda lésbica gosta de confusão", entre outros.
Na boa estou de saco cheio dessa palhaçada. Cansada de toda essa generalização.
Mas eu não tiro a razão de que quem pensa dessa forma, porque vamos combinar, o mundo gay é uma merda! Tenho total direito de falar porque vivo nele, faço parte dele.
Ser gay, virou sinônimo de escandalização, vulgarização e perversão, isso porque os componentes desse "mundo", em sua grande maioria, agem de forma escandalosa, vulgar e pervertida.
Então para que pedir, exigir e lutar por respeito se eles/nós não nos respeitamos? Por que lutar por direitos se nós fazemos de nossas vidas uma bela putaria para a sociedade apontar o dedo na nossa cara e nos dizer que não podemos? Fala sério!Há pessoas(homossexuais)que vão a parada gay e não fazem ideia do que estão fazendo lá, ou até fazem, mas não condiz com sentido real de uma parada gay.
Caramba, se tu é homossexual e está lendo isso, faço um apelo, pare pra pensar em suas atitudes como gay. Ter uma orientação sexual diferente não vai te fazer melhor ou pior, isso realmente não é importante. O que vai fazer diferença são as suas atitudes, porque escandaloso, vulgar, drogado e pervertido qualquer hetero pode ser!
Valorizem-se, respeitem-se! Depois exija isso dos outros!

Baah Venon (Venon Khol)